Quantas?

O calor é insuportável.
Tenho a impressão que as pessoas aqui ainda vivem no século XIX, com a diferença que hoje elas usam smartphones. O cheiro delas é diferente. A dinâmica delas é diferente. Eles fazem tudo igual ao povo da capital. Mas é diferente. Até o tempo aqui é diferente.
Casas em ruínas, vida tranquila, conversas. Muitas conversas, apesar dos smartphones.
Fui abordado por um escritor.
Queria vender suas duas publicações. Todo escritor, ou quase todos, tem uma certa carência para vender suas obras. Esse tinha muita. Quantas negativas ele teve somente hoje?
Daqui da mesa do restaurante avisto uma escritora que já foi minha colega em uma oficina de criação literária. Ela é muito boa. Deu pra notar durante a oficina. Mas ela fingiu não me ver.
A cidade inteira respira literatura, história, cultura. O movimento é grande e a gente se contagia.
Uma moça com um semblante sofrido, com palavras e boca incompleta, uma criança no colo e outra pesando na barriga, veio me pedir dinheiro para comprar uma lata de leite. Quantas negativas ela teve somente hoje?
O calor é insuportável.
Frida está tatuada no braço da mulher na mesa da frente. Que pessoa tatuaria Frida Kahlo no braço, com suas monosselhas impositivas?
Ela conversa com seu namorado com uma cara de certinho. Quantas negativas ele teve somente hoje?
A temperatura, finalmente, amenizou.
Mas foi porque uma família abriu um freezer para escolher seus picolés do meu lado.
O menino tentou pegar dois. Quantas negativas ele teve somente hoje?
E estou com muita fome. Depois de 30 minutos aguardando o almoço, escrevendo, fui informado que meu pedido não está saindo hoje.
Quantas negativas eu terei somente hoje?

2 Comments

Leave a Reply